Comissão debate dificuldade de alunos de instituição de ensino superior encerrada

por Luana Lobato Raddatz publicado 17/03/2016 08h15, última modificação 18/03/2016 10h57
Problemas na efetivação da transferência de acadêmicos da Faculdade Anhanguera para Unopar Universidade foram tratados na Câmara na manhã desta quarta-feira, dia16. O assunto encaminhado pelo vereador Rafael Alves à Comissão de Serviços Municipais e Educação reuniu ainda os vereadores Marcelo Lemos, Jussara Osório, Ronnie Mello, Carlos Eduardo Espíndola Alves e Irani Fernandes com alunos que sentem-se lesados, direção da Unopar e funcionários da Anhanguera.

        Na oportunidade foi relatado o anúncio repentino da falência à unidade de uruguaiana. A transferência recomendada dos estudantes para a Unopar gerou transtornos e dúvidas sobre a continuidade das atividades acadêmicas, como diferenças curriculares e datas para colações de grau agendadas anteriormente pela Anhanguera.

          As dificuldades foram debatidas e esclarecidas na reunião promovida pela Comissão. A direção da Unopar explanou sobre o acolhimento aos acadêmicos remanescentes e assegurou que haverão as formaturas previstas assim que encaminhada a documentação regular da faculdade e a divulgação de novo calendário. A Comissão realizará nova reunião no dia 21, às 18h30min, com autoridades buscando novas informações e garantias aos acadêmicos, entre elas Associação dos Consumidores gerência regional da Anahnguera.